inESPAÇO

Exposição fotográfica retrata a moradia e a adaptação nas áreas comerciais de Brasília

A exposição inESPAÇO traz a Brasília uma nova abordagem sobre a ocupação residencial do Plano Piloto, com 28 fotografias e um vídeo documentário, revela quem são os moradores das áreas comerciais da Asa Norte. Traduz a vida e os sonhos das pessoas que ocupam os espaços improvisados em blocos comerciais. Retrata seu cotidiano e sua história em um ensaio de grande sensibilidade e valor poético.

Com patrocínio do FAC – Fundo de Apoio à Cultura do Distrito Federal e apoio da Galeria Ponto, os fotógrafos Rodrigo de Oliveira, Flora Egécia e Naiara Caldas, ativos na cena artística de Brasília desde 2006, realizaram este trabalho ao longo do ano de 2012, visitando residências, fotografando e entrevistando os moradores. O resultado é a exposição inESPAÇO, que ficará aberta à visitação de 05 de fevereiro a 04 de março na Galeria Ponto, situada na 716 Norte, com entrada gratuita.


O projeto:

No Plano Piloto, as pessoas reinventaram o espaço de acordo com suas necessidades. Inverteram os papéis, subverteram a ordem e se estabeleceram onde, teoricamente, não deveriam. Adaptaram o espaço comercial para suas residências. Dividiram salas, escritórios e estacionamentos para criar um novo espaço, mais acessível, no coração de Brasília. A exposição inESPAÇO foi criada com o intuito de mostrar quem são as pessoas que ocupam os becos e as areas comerciais da Asa Norte, que moram e vivem nos espaços não planejados para isso. As pessoas que repensaram o planejamento urbano de Brasília para viver. São estudantes, trabalhadores e famílias de vários lugares do Brasil, vivendo o sonho de tornar Brasília mais acessível e humana.

Sobre os fotógrafos:

Flora Egécia e Rodrigo de Oliveira iniciaram sua carreira em 2006, participando do fotoclube f/508 no Espaço Cultural Renato Russo. Conheceram Naiara Caldas em 2007, com seu ingresso no coletivo, quando desenvolveram diversos projetos coletivos e participaram de exposições em Brasília e outras cidades brasileiras. Rodrigo já foi premiado nos concursos de fotografia da revista Fotografe Melhor e do Ministério da Saúde. Flora Egécia foi umas das idealizadoras  da Revista Nil, publicação gratuita e colaborativa sobre o universo artístico-cultural da cidade, circulando de 2011 a 2012. Em  2010 criaram juntos o Estúdio Cajuína, um coletivo para realização de seus projetos autorais com colaboração de outros artistas. 

Sobre a galeria: 

Fundada em 2010 pelo fotógrafo Bruno Bernardes, a Galeria Ponto. é um espaço dedicado à imagem e agora conta com um novo endereço na asa norte. As atividades compreendem a impressão fine art, cursos exposições e o comércio de fotografias autorais e de reprodução de obras de arte. Contam com uma galeria e estúdio de fotografia com 180 m2 que podem ser utilizado para cursos, eventos, workshops, fotografias indoor e grupos de estudo, além de exposições e projeções.
O atelier de impressão fine art da Galeria Ponto conta iluminação e monitores calibrados em 5000k, de maneira a propiciar o melhor ambiente para tratamento de imagem e visualização de impressos. São printers exclusivos do Bicicleta Sem Freio e do Conjunto A4. A missão da galeria é de preservar a materialidade da fotografia, para que imagens fantásticas não se percam em códigos binários imperscrutáveis.

Serviço:

inESPAÇO

Abertura | 05.02, 19h

Visitação | 06.02 a 06.03

terça a domingo | 11 às 19h

Galeria Ponto

SHCGN 716, bloco L, casa 39 | Asa Norte

Site: inespaco.estudiocajuina.com


Contatos:
61 8141.4073 / 9844.6887
estudiocajuina@gmail.com

inespaco_email.jpg